domingo, 24 de fevereiro de 2019

Apóstolo - Uma verdadeira carnificina

Um filme onde a agonia predomina


Aviso!

Se você tem intolerância a sangue e cenas de tortura, não assista esse filme.
+18

Bom galerinha hoje vamos falar de Apóstolo um filme que eu enrolei muito para assistir porque embora seja apaixonada por filmes de terror tenho aversão a tortura.




Título: Apóstolo
Formato: Filme
Ano produção: 2018
Duração: 2 h 10 m
Dirigido por: Gareth Evans
Países de Origem: EUA / Reino Unido
Gênero: Terror
Sinopse: Em 1905, durante a perigosa missão de resgate da irmã raptada, um homem se envolve com o sinistro culto religioso de uma ilha isolada.

Sobre o filme

Gente do céu!
Embora o filme Apóstolo seja longo com pouco mais de 2 horas, esse detalhe se torna imperceptível por conta da sua dinâmica.
Um filme recheado de metáforas que definitivamente não deve ser assistido por qualquer um.
Através de algumas pesquisas acredita-se que nosso protagonista Thomas Richardson tenha relação com um dos apóstolos de Jesus, São Tomé, que dentre os doze era o mais pessimista e cético.
O filme deixa claro que em um passado não muito distante Thomas havia sido missionário em Pequim durante a Rebelião dos Boxers e fora perseguido por introduzir o cristianismo na China.
Este evento põe em dúvida sua fé em Deus, e mesmo nestas condições ele tem uma nova missão: resgatar sua  irmã das mãos de líderes fanáticos de uma seita estranha.
Ao se infiltrar na ilha onde tudo acontecia Thomas se depara com sacrifícios de sangue, rituais bizarros e uma deusa que fora aprisionada a fim de manter a prosperidade daquela terra..




Algumas histórias acontecem paralelamente, o que deixa o filme dinâmico até o final.


Considerações 

Não se atentar as metáforas é se perder no contexto do filme, os rituais realizados, as sangrias, as situações ligadas ao culto religioso, todas elas são esperadas em um filme deste gênero, a questão são as mensagens subliminares.
Prender um "deus" a fim de que ele trabalhe em prol de si mesmo é algo muito recorrente na cultura humana e no filme não foi diferente, em termos religiosos hoje não se busca adorar e sim ser suprido.
Mesmo cético o Apóstolo Thomas parecia ter uma missão que ia além de resgatar sua irmã, a deusa presa na ilha o esperava para que pudesse ser liberta também.

Com muitos detalhes a ser analisados e comentados o filme é um prato cheio para quem gosta de história com certo grau de complexidade.

 


Com relação a carnificina, Apóstolo é realmente um filme sangrento, com mortes cruéis e violentas, e claro tem aquele "vilão" pra você odiar.
Com um final imprevisível Apóstolo promete manter a angustia presente durante todo o filme.

O filme é bom?
Em todo o contexto sim, bom roteiro, boa produção.

Assistiria novamente?
Não he he he

Nenhum comentário:

Postar um comentário