segunda-feira, 28 de janeiro de 2019

Rampage - Sua adaptação cinematográfica é fiel ao jogo lançado em 1986 ?

Conheça agora algumas semelhanças entre jogo e filme




Oi gente!

Hoje vamos fazer uma breve análise sobre filme e jogo que levam o mesmo nome "Rampage".
Infelizmente nunca pude jogar Rampage, deixo esta experiência pro meu filhote, por este motivo minha crítica vai se basear no filme.


O Jogo



Jogo: Rampage
Desenvolvedores: Midway Games
Publicadoras: Midway Games(arcade), Data East (NES), Sega (Master System), Atari (Atari 8-bit), Activision (outras versões)
Gênero: Plataforma
Lançamento: 1986

A primeira versão de Rampage recebeu várias sequências inclusive para PlayStation 2 e Nintendo Wii.
Neste jogo era possível controlar monstros gigantes que tinham como objetivo sobreviver aos ataques de forças militares, os níveis eram concluídos quando uma determinada cidade era completamente destruída.

Os monstros

George - Humano mutante que se transformava em  Gorila, era um homem de meia idade.
Lizzie - Humano mutante que se transformava em Lagarto, era uma moça jovem.
Ralph - Humano mutante que se transformava em Lobisomem gigante, era um senhor idoso. 


O Filme






Titulo: Rampage: Destruição total
Direção: Brad Peyton
Elenco: Dwayne Johnson , Naomie Harris , Malin Ákerman , Jake Lacy , Joe Manganiello e Jeffrey Dean Morgan 
Ano: 2018
Gênero: Ficção científica
Sinopse: Davis Okoye é um primatologista, um homem recluso que compartilha um vínculo inabalável com George, um gorila muito inteligente que está sob seus cuidados desde o nascimento. Quando um experimento genético desonesto é feito em um grupo de predadores que inclui o primata, os animais se transformam em monstros que destroem tudo em seu caminho. Agora, Okoye precisa conseguir um antídoto e impedir que seu amigo provoque uma catástrofe global.

Crítica




O filme é baseado no jogo, isso quer dizer que, não veremos exatamente a mesma história em ambos.
Os monstros são similares, embora no filme acredito que o verdadeiro foco sempre esteve sobre George o gorila, como já comentamos anteriormente no jogo os três monstros tinham nome e eram mutantes, humanos que se transformavam, enquanto que no filme não me lembro de ter ouvido outro nome se não o de George, levando em consideração ainda que, no filme eles são representados por animais que passaram por uma mutação genética resultando em   aumento de tamanho e agressividade.
Outra diferença é que no jogo os monstros tinha como objetivo destruir a cidade, somente assim concluiriam o nível, enquanto que no filme o objetivo é evitar que os monstros destruam a cidade.




Embora não seja meu gênero preferido, Rampage conseguiu me conquistar, aliás tudo se deve a George (o gorila) que é um fofo sem sombra de dúvida.
O filme é dinâmico e eu diria que muito bem executado, com um pouquinho de humor como é de se esperar de filmes como esse, e é claro com cenas muitos emocionantes para fazer marejar os olhos.
Com um elenco incrível como ponto fortíssimo acredito que Brad Peyton foi muito feliz em sua homenagem ao jogo.
Do ponto de vista roteiro também não tenho queixas a fazer.
Talvez em comparação a outros filmes do gênero este não tenha sido muito inovador, mas definitivamente não foi nenhum problema para mim, e sim eu recomendo.

Curiosidades 

Através de algumas pesquisas descobri que um diretor alemão chamado Uwe Boll ameaçou abrir um processo contra a Warner Bros caso mantivesse o titulo do filme como Rampage, isso se deu porque Boll havia produzido uma trilogia independente de filmes Rampage, encarando o novo lançamento como uma pedra no sapato ele fez duras criticas ao filme que, na minha opinião tem maior merecimento em usar este nome, afinal os filmes criados por Boll nada tem relacionados com o jogo que inclusive foi lançado antes de sua trilogia. 

E você aprovou a adaptação?

Nenhum comentário:

Postar um comentário