segunda-feira, 3 de dezembro de 2018

O que dizer sobre o filme ANIQUILAÇÃO - Disponível na Netflix

Olá galera tudo bem com vocês?

Eu estou me preparando para semana de provas da faculdade e inexplicavelmente isso me motiva a escrever ainda mais.
Hoje vamos estar falando de um filme lançado em 2018 que possui um alto teor de complexidade Aniquilação.




Titulo: Aniquilação
Baseado em: Annihilation de Jeff VanderMee
Gênero: Ficção cientifica/ Ação/ Terror
Elenco: Natalie Portman/ Jennifer Jason Leigh/ Gina Rodriguez/ Tessa Thompson/ Tuva Novotny/ Oscar Isaac
Estreia: março de 2018
Sinopse: Uma bióloga (Natalie Portman) se junta a uma expedição secreta com outras três mulheres em uma região conhecida como Área X, um local isolado da civilização onde as leis da natureza não se aplicam. Lá, ela precisa lidar com uma misteriosa contaminação, um animal mortal e ainda procura por pistas de colegas que desaparecem, incluindo seu marido (Oscar Isaac).


Falando sobre




Bom vamos lá.
Este filme pode ser dividido em dois pontos distintos o primeiro é enxerga-lo como um filme de terror, já o outro ponto é enxerga-lo em toda sua complexidade e não apenas como enredo assustador.
Sem dúvida Aniquilação é aquele tipo de filme que buga sua mente e toda explicação parece não ser suficiente para interpreta-lo.

1°ponto (Terror)



SPOILER
Aniquilação não é um tipico filme de terror, mas mesmo assim pode ser tranquilamente inserido dentro deste contexto, por ser um filme complexo e com muitas informações talvez os elementos ligados ao terror de fato não se sobressaiam como o esperado, a história se resume em um grupo de mulheres que decidem entram em um campo rodeado por uma tal cintilação que tem se expandido e intrigado os pesquisadores, inevitavelmente me lembrei de Maze Runner, a diferença está na cintilação e no que está por trás dela.
Inicialmente parece  um filme com cara de Stranger Things, porém, a tal cintilação tem um aspecto bonito e isso se estende a tudo que esta por trás dela.
Nenhum lugar escuro, nenhum monstro, onde se enquadra o terror então?
Lena vê seu marido desaparecer das face da terra durante mais ou menos doze meses, sem qualquer explicação Kane (marido de Lena) surge na sua frente e o que parecia um feliz reencontro torna-se um grande quebra cabeça. Kane está muito doente  a beira da morte e o  motivo é a cintilação.
Tentando encontrar respostas Lena atravessa a cintilação e percebe que tudo ao seu redor está passando por uma mutação genética, um crocodilo e um urso são o espelho desta mutação assim como todo o resto.
Apesar destas questões não posso dizer que estes são elementos assustadores, como havia dito a complexidade acaba ofuscando o terror.
Sem dúvida encara-lo como um filme de terror é o caminho mais simples de aceitação.

2° ponto (Mensagem)




Aniquilação trata a respeito da total destruição, existem muitos pontos a serem analisados quanto a isso.
No final do filme tanto Kane quanto Lena transformam-se no ser estranho que encontra-se por trás do evento cintilante, com base nisso e para melhor compreensão imagine o homem encontrando uma área de mata virgem que jamais tenha passado por nenhuma intervenção humana, com o tempo o homem passa a modificar aquela área sendo assim automaticamente tudo o que está ali entra em mutação também, é mais ou menos isso que acontece neste filme, a cintilação pode ser representada pela intervenção humana que acaba transformando tudo ao seu redor.
Em determinado momento do filme Lena percebe que a tal cintilação já estava impregnada em eu DNA, e mesmo quando encontra o tal ET dentro do farol não consegue lutar contra ele apenas se transforma.
O filme em si tem vários termos técnicos e traz  um emaranhado de implicações cada qual com sua interpretação, em termos simples aponta o ser humano como causador de destruição em massa isso se reflete na tal cintilação.

Considerações 

Além de toda a questão física e biológica, o filme faz menção a um sentimento tipico da humanidade, todas as mulheres exceto Lena aceitaram participar da missão suicida pela falta de desejo em continuar vivas, seja por vícios, doenças ou frustrações, sendo até mesmo usado como justificativa para a volta de Lena ao mundo "real".
Outra questão que aparece de maneira um pouco paralela é a traição de Lena que pode ter influenciado na decisão de suicídio de Kane. Mas se Kane se suicidou quem voltou afinal?
Ao que tudo indica tanto Lena quanto Kane não são Lena e Kane, ao se suicidar Kane abre espaço para que o "ET" se transforme nele, enquanto que ao permanecer viva Lena acaba se transformando em "ET", ambos não escaparam da mutação e aparentemente continuam vivos por essa questão.

Eu nunca li o livro de  Jeff VanderMee mas algumas especulações mostram que o filme não foi fiel ao livro.
A questão é que este é um filme realmente pouco comum que nos leva a uma analise critica sobre a vida, no final do filme vemos tatuado no braço de Lena algo semelhante ao Oroborus isso reflete o renascimento, a eternidade, algo para se pensar.
Em termos gerais gostei do filme pelo seu contexto mas não pela sua apresentação, Aniquilação não é o tipo de filme que eu assistiria novamente, embora tenha muitos pontos positivos para mim os negativos estiveram em evidência o tempo todo.

Mas e você o que achou do filme?

2 comentários: