sábado, 24 de novembro de 2018

Aggretsuko - Vale a pena assistir?

Um anime diferentão que você vai adorar

Olá turminha,

O post de hoje realmente é um dos mais divertidos que já escrevi, por indicação do Canal Coreanismos conheci Aggretsuko um anime lançado em  abril de 2018 pela Netflix e sim na netflix nem tudo são filmes ruins (risos).



Titulo: Aggretsuko 
Lançamento: 2018
Dirigido por: Rarecho
Disponível em: Netflix
Episódios:10
Duração: em média 15 minutos
Sinopse: Frustrada com o emprego, Retsuko, a panda vermelha, encara a luta diária cantando heavy metal em um karaokê depois do expediente.



Falando sobre

Confesso que demorei um pouco para definir que bicho era a Retsuko, eu não li a sinopse antes e sempre achei que ela fosse uma gata, analisando melhor percebi que ela não tinha tanta semelhança com uma gata e parecia mais com uma raposa e no fim das contas ela é uma panda vermelha*.
*  O panda-vermelho ou panda-pequeno, também conhecido como raposa-de-fogo ou gato-de-fogo (nome científico: Ailurus fulgens; do grego ailurus, gato; e do latim fulgens, brilhante), é um pequeno mamífero arborícola e a única espécie do gênero Ailurus. Pertence à família Ailuridae, mas já foi classificado nas famílias Procyonidae (guaxinins) e Ursidae (urso).
Valeu wikipédia mas depois disso buguei. 




Retsuko é uma jovem de 25 anos, solteira, escorpiana, sangue tipo A, muito provavelmente é assim que ela se apresentaria a você, ela  trabalha num escritório de contabilidade a cinco anos, apesar de ser muito dedicada seu chefe consegue realmente tira-la do sério e é ai que a coisa fica engraçada, nossa pequena e delicada Retsuko tem como válvula de escape o Heavy Meal, aqui preciso abrir um parenteses, durante o anime o seu hobby é apresentado como heavy metal mas muitos dizem que o estilo na verdade é death metal, enfim, isso não muda em nada o contexto mas é bom  deixar claro para os leitores mais exigentes.




Apesar de ser muito engraçado, Aggretsuko trás muitas reflexões condizentes com o dia a dia de um trabalhador, Retsuko sofre assédio moral por parte do chefe porcão a todo momento, não somente por parte dele as pessoas se aproveitam do jeito todo certinho que a nossa heroína demonstra ter, além disso muitas situações do cotidiano também são expressas durante os episódios, o sonho de se casar, a desilusão amorosa e tudo mais que você encontra no universo feminino, inclusive estar dentro de determinado padrão de beleza para conseguir fisgar um boy.



Eu diria que é impossível não se identificar com a pequena Retsuko, felizmente já temos segunda temporada confirmadíssima muito provavelmente para 2019.

Indico se sombra de dúvida!!! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário