sábado, 4 de agosto de 2018

Hoje posso ser eu ?

Oi gente, tudo belezinha ?

Este post vai ser um pouquinho diferente dos demais aqui do blog, nele não vou falar de livros, nem de filmes, nem nada do gênero.
Estive pensando... É gente acreditem eu penso e não penso pouco, rsrs.
Tem dia que a gente acorda meio desanimada, vontade de se jogar na cama descabelada mesmo, sem maquiagem, pegar aquele pote de sorte ou brigadeiro e comer como se não houvesse amanhã, sem precisar se preocupar com as responsabilidades de ser adulta, acredito que em algum momento toda mulher sentiu essa mesma vontade.





Hoje foi meu dia, precisava do dia inteiro comigo mesma, sem fazer nada e pensei...
É tão chato ter que seguir um padrão, porque eu não posso ter o cabelo cacheado? Porque não posso estar uns quilinhos acima do peso? Porque preciso sempre cumprir regras mesmo sem querer?
A algum tempo atrás criei um canal no youtube, mas logo desisti quando percebi que o conteúdo dos vídeos não seriam aqueles que eu queria gravar, mas teria que mostrar ao meu público aquilo que eles queriam ver, então cansei de me maquiar pra gravar os tais vídeos.

Sabe qual o barato de se ter um blog ? É poder sentar na frente do computador com o cabelo molhado, de pijama, com uma xícara de café ao lado e mostrar pra você exatamente aquilo que eu quero que você veja 😊, sem me preocupar se meu rímel tá borrado.

Dá um alivio danado quando a gente pode assumir nossas opiniões sem precisar ficar se explicando, claro que é ótimo estar bonita mas que mulher não daria tudo por um coque e um jeans rasgado?
O tempo passa e a gente entende que sucesso mesmo não é ter mil curtidas no Facebook e sim ter uma vida de verdade sabe? Poder comer pizza a noite e comer pastel no café da manhã, poder ficar descabelada mesmo, rir alto, aposentar a maquiagem por um tempo e ainda assim se sentir feliz, ir na padaria de meia e chinelo e dai qual o problema nisso?
As vezes coisas pequenas nos aprisionam e a gente nem percebe, porque se preocupar tanto com o outro se a sua vida vai durar provavelmente uns 70 anos isso se você tiver saúde e depois... Depois você morre e é esquecido, as pessoas ao seu redor continuam vivendo e você tinha tantos planos pra realizar, ou talvez não tinha nenhum mas acabou abraçando a faculdade que seus pais gostariam que você fizesse e por causa disso você deixou de fazer aquela viagem que tanto queria...




Talvez ao ler tudo isso você esteja pensando onde foi que eu Mônica fracassei em meus 28 anos bem vividos? E eu te respondo em lugar nenhum...
A gente sempre tem a oportunidade de começar um projeto, adotar um estilo, cortar o cabelo, arrasar no palco da vida, isso só acaba quando sua vida termina, acredite não é errado não ter planos, errado e não viver sua vida porque está vivendo em função do outro.

Hoje eu posso ser eu, mesmo criticada, amada, odiada, tanto faz, hoje eu posso ser EU.

Filosofei né eu sei rsrs.
É muito bom poder usar a nossa linguagem, e você ? Quem você tem sido ao longo da sua vida?

2 comentários:

  1. Bem isso Mônica!!!temos feliz do jeito é!! se acha que tem mudar mudaremos porque queremos não porque foi imposto!😘

    ResponderExcluir