quarta-feira, 13 de setembro de 2017

Death Note - Netflix

Olá meus queridos a quanto tempo não...
Voltei da lua de mel a alguns dias e depois de me organizar um pouco voltei a ativa.
Claro que quem me acompanha sabe o quanto sou fã de Death Note e ver o novo filme produzido pela Netflix era questão de honra, mas, acreditem em nada podemos compará-los.






Amigos americanos que me desculpem mas achei muita pretensão do diretor Adam Wingard em dizer que seu filme fora baseado no incrível mangá de Tsugumi Ohba.
Na minha humilde opinião o que ele fez foi copiar os personagens do mangá e muito mal por sinal, afinal em nada tem relação com o original, pode parecer que eu esteja criticando de maneira até ferrenha o novo filme mas depois de assisti-lo vi que minhas criticas em nada são exageradas.
A história de Death Note é marcada pela inteligencia, estratégia e principalmente por  personagens com características únicas dos quais jamais poderemos esquecer, Light Yagami e Lawliet mais conhecido como L são protagonistas incríveis que tornaram o mangá, a série e os filmes um sucesso absoluto.

O Filme

Bom vamos ao filme.
Primeiro gostaria de dizer que um dos maiores erros deste filme foi o Ryuk, ele foi o personagem mais horrendo que poderia ser criado.


Precisavam mesmo fazer ele tão mal feito assim.
A questão de os personagens não possuirem traços orientais não me incomodou muito, isto poderia ter sido relevante se a história fosse boa.
Outro personagem que me chocou por sua aparência foi o Watari, gente o Watari era como se fosse um pai, cuidador de L, sempre apareceu como um senhor mais velho e neste filme os criadores além de representa-lo por um personagem mais jovem que o habitual ele ainda usava o corte de cabelo moicano, what?
Quanto ao Light e ao L foi compreensível a mudança de sobrenome mas quem eles estavam representando?
L era um inconsequente, não deveria jamais trabalhar junto a policia com suas atitudes infantis e irritantes, e quanto a Ligth, onde esconderam a inteligencia dele, Misa então nem preciso comentar, ela sim parecia ter pequenos traços de estrategia do Light original.


Fica complicado para quem não conhece a história original do Death Note se basear no que esse filme transmite como ideia, em resumo este filme foi muito ruim e causou revolta nos fãs.
E acreditem não é mera implicância, o roteiro foi horrível, as atuações vergonhosas, uma pena usarem o nome deste tão incrível mangá como base, passaram vergonha.

Curiosidades  

Assisti  à alguns vídeos no youtube e li em algumas plataformas que a recepção deste filme foi tão ruim que o diretor Adam Wingard excluiu seu twitter por conta de represálias contra o mesmo incluindo até ameaças de morte, isso pra mim obviamente foi um grande exagero, mas para os milhares dos fãs de Death Note esta foi apenas uma maneira de demonstrar a aceitação quanto ao filme.

Indico 

Deseja conhecer a história leia os mngás



Assista ao anime




Veja a Live Action



E conheça os três filmes mais incríveis sobre a história


Death Note 
Death Note : The last Name 
Death Note: Ligth Up The New World 








Caso queira ainda mais conteúdo de qualidade indico também :

L: Change The World



Então é isso amigos, não achei que valeria spoiler afinal não perca seu tempo assistindo rsrs.
Um abraço.

2 comentários: