terça-feira, 9 de maio de 2017

Formiga que se come

Existem várias especiarias bem incomuns em vários lugares do mundo e convenhamos o Brasil não é o dono dos piores gostos.
Há quem ache estranho a nossa cultura mas ela tem coisas divinas, e dentre as especiarias brasileiras vamos falar da rainha do nordeste a Tanajura.



Em Tupi-guarani Tanajura significa formiga que se come, então já pode imaginar de quem herdamos esse hábito não é mesmo.

Embora a prática de se alimentar com insetos seja muitas vezes considerada uma coisa primitiva em diversos países a Tanajura é considerada uma iguaria.
Hoje os pontos mais prováveis de se encontrar essa espécie é no nordeste, inclusive recebi uma pequena remessa lá de pernambuco e estava uma delicia.
A Tanajura costuma ser consumida com farinha ou farofas temperadas e há quem prefira consumi-la crua, pode ser torrada com água e sal para que sirva de aperitivo ou até mesmo substituir a carne num prato de arroz e feijão.
A parte ideal para consumo é o seu abdômen (seu bumbum), especialistas no preparo deste prato indicam que elas sejam fritas em sua própria gordura para que fiquem crocantes e seja adicionado apenas sal e pimenta.



A Tanajura é valorizada culturalmente e acredite ela possui uma rica composição nutricional, a carne bovina tem em média 20 % de proteína enquanto a Tanajura 44%, além de sódio, potássio, ferro, cálcio e ácidos graxos.
Ela é tão completa que também é usada como remédio caseiro.

Claro que não é comum comer formigas, mas foi um costume passado de geração em geração e sinceramente é um prato espetacular.

Nenhum comentário:

Postar um comentário