sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

Paganismo x Cristianismo - parte 4

Hoje vamos falar um pouco sobre o paganismo dentro da igreja, mas para entendermos melhor o que é paganismo ?
Paganismo: 1 religião em que se cultuam muitos deuses; etnicismo, gentilidade, gentilismo, politeísmo.
Você pode até se espantar e dizer nossa mas como é possível que haja isso dentro de um templo direcionado a adoração de Deus, pois é eu também me pergunto isso.
Há algumas aulas atrás falei sobre Mamon o Deus do dinheiro que é tão adorado nos cultos religiosos.





*Mamon representa o terceiro pecado, a Ganância ou Avareza, também o anticristo, devorador de almas, e um dos sete príncipes do Inferno. Sua aparência é normalmente relacionada a um nobre de aparência deformada, que carrega um grande saco de moedas de ouro, e "suborna" os humanos para obter suas almas. Em outros casos é visto com uma espécie de pássaro negro (semelhante ao Abutre), porém com dentes capazes de estraçalhar as almas humanas que comprara.

Esta é a definição sobre Mamon e hoje existem igrejas que passam mais da metade do culto que seria direcionado a Deus adorando a este príncipe dos infernos, quer ver exemplos:
  • Venda de vassoura ungida
  • Óleo ungido
  • Lencinho ungido
  • Propósito de 100 a 1000 reais
  • Perfume ungido
E por ai vai a infinidade de maracutaias para ganhar cada vez mais dinheiro, meus amigos abram os olhos Jesus nunca cobrou para fazer milagres ou sequer orientou que fosse comprado por valores absurdos vassouras, lencinhos ou qualquer coisa do tipo, despertem.

Além da petição constante de dinheiro vemos os atos proféticos mais bizarros do mundo.
  • Já vi pastores ungindo o rio Tietê aqui em São Paulo alegando que Leviatã estava a comandar este rio
  • Já vi pastor cuspir na boca do fiel prometendo cura 
  • Já vi pastor bater nos seus fiéis dizendo que era o espirito santo que estava batendo para que a pessoa se concertasse
  • Já vi pastores simularem cura através do próprio sangue manchado numa camisa
  • Já vi pastores derramarem quase um litro de Óleo ungido na cabeça das pessoas para purifica-las 
Gente já vi tanta coisa absurda que por um momento pensei se não tenho dinheiro não posso ser abençoada.
É tanta heresia que o templo religioso virou circo e as pessoas não se dão a menor conta disso.


E para finalizar o famoso reteté de Jeová, gente o que é isso pelo amor de Deus ?
RETETÉ: É um Ritual vindo da África em meado de 1948, onde as pessoas se reuniam para Rituais de Voduns. Nesse rito as pessoas furavam umas as outras. Essa palavra é de origem do idioma balanta Africana da Guine Bisal.

Ré - Ir para trás, teté - repetição. Em terreiros de macumba que significa não volta mais. Ou seja, vai para trás e não volta mais.

Esse termo foi aderido pelos cristãos de movimento pentecostal a partir dos anos 90 depois que se iniciou no Canadá um movimento estranho conhecido como UNÇÃO DE TORONTO, referente ao local onde aconteciam prática esotérica com modismos e aberrações que foge do pentecostes bíblico. Infelizmente pastores sem o conhecimento da palavra tem levado multidões a usar a palavra reteté.

RETETÉ DE JEOVÁ: Heresias que ocorrem nas vigilhas, cultos de oração, etc... o diabo está brincando no meio do povo de Deus. Muitos usam termos que não sabem o significado, para dar nome ao que Deus quer fazer no meio de seu povo.
Tá bom ou quer mais?

Minha experiência num culto do Reteté
Um dia participando de uma reunião assim, chegou a hora da grande batalha conhecida como reteté, e grande parte da igreja estava rodando, pulando, batendo uns nos outros, aquela completa bagunça quando uma jovem me chamou a atenção, a atmosfera espiritual já havia mudado mas não conseguia tirar meus olhos daquela jovem.
Ela se balançava pra frente e pra trás com os olhos fechados e foi então que vi um espirito maligno prestes a manifestar enquanto outras pessoas já rodavam possuídas, um dos pastores da casa me perguntou qual era o problemas e eu respondi ali tem demônio o pastor riu e disse não irmã é o espirito santo, eu continuei a não concordar o que deixou este pastor muito bravo afinal quem era eu ... Enquanto ele lutava para provar sua tese uma pastora que havia sido convidada saiu do púlpito e foi até o fundo da igreja onde aquela moça estava pôs a mão em sua cabeça e expulsou o espirito maligno que ali se encontrava, simplesmente peguei minha bolsa e irmão e fui embora nunca mais pisei lá, o pastor titular foi até minha casa me procurar e como me recusei a atender ele me disse várias palavras de baixo calão só faltou me rogar uma praga.
Lindo isso né...

Amanhã falaremos sobre o dizimo não perca.

Nenhum comentário:

Postar um comentário